Notícias

Esta caixa de madeira roda jogos melhor do que o seu PC.

Houve um tempo em que tudo era de madeira. O Atari era um console de madeira; os primeiros computadores da Apple eram de madeira... o tempo passou e o plástico e o metal tomaram conta da tecnologia pessoal. No entanto, uma empresa decidiu que já era hora de trazer tal visual retrô, e deu origem ao Volta V. Criado pela empresa americana Computer Direct Outlet, o PC tenta apresentar um novo conceito de computador para jogos, que sempre são cheios de luzes de estética duvidosa. Sim, apesar do visual retrô, o Volta V tem os componentes para ser considerado um PC gamer. Houve um tempo em que tudo era de madeira. O Atari era um console de madeira; os primeiros computadores da Apple eram de madeira... o tempo passou e o plástico e o metal tomaram conta da tecnologia pessoal. No entanto, uma empresa decidiu que já era hora de trazer tal visual retrô, e deu origem ao Volta V. Criado pela empresa americana Computer Direct Outlet, o PC tenta apresentar um novo conceito de computador para jogos, que sempre são cheios de luzes de estética duvidosa. Sim, apesar do visual retrô, o Volta V tem os componentes para ser considerado um PC gamer. O gabinete é razoavelmente pequeno, então para que tudo isso funcione sem colocar fogo na carcaça de madeira, é necessário um sistema de resfriamento a líquido e um design preocupado em facilitar o fluxo de ar, ao mesmo tempo em que filtra a poeira. A empresa anuncia o Volta V com preços a partir de US$ 2.000, que é bastante caro para o padrão de um PC gamer convencional, mesmo para os Estados Unidos. No fim das contas, sai bem mais barato comprar o computador com o gabinete convencional.

Fonte: olhardigital