Notícias

Relógio analógico da Swatch permite fazer pagamentos com o pulso no Brasil

O relógio de pulso Swatch Bellamy é analógico e tem aparência simples: não temos aqui um sistema operacional móvel, nem uma tela, nem mesmo um indicador de dia. No entanto, ele contém um chip NFC que permite fazer pagamentos com o pulso na China, nos EUA, na Suíça e - surpresa! - no Brasil também. A Swatch anunciou uma parceria com a Visa para lançar o relógio nesses quatro países. O pagamento funcionaquase como em um smartphone: o relógio possui um chip NFC abaixo do mostrador, então basta aproximá-lo de uma maquininha de cartão compatível para realizar o pagamento. Isso praticamente não consome energia, então não afeta a autonomia do relógio.

Fora isso, há poucos detalhes de como o pagamento vai funcionar. Como o relógio vai obter os dados do seu cartão de crédito ou débito? O usuário terá que confirmar o pagamento de alguma forma? No Apple Pay, por exemplo, é preciso passar o dedo no Touch ID. Mas o Bellamy não possui nem mesmo Bluetooth ou Wi-Fi.
Segundo o VentureBeat, "os consumidores na China que decidirem pegar um dos relógios da Swatch com pagamentos terão que ir a uma das 2.785 agências do Bank of Communications em todo o país para ativá-lo".
Ou seja, provavelmente você terá que ativar o relógio em uma agência de banco, e o valor máximo de pagamento seria restrito. No Brasil, a Visa oferece pagamentos NFC para clientes do Banco do Brasil e Bradesco; e pagamentos abaixo de R$ 50 não exigem senha.

O Gizmodo Brasil entrou em contato com a Visa; a empresa diz apenas que "teremos mais informações em breve sobre a parceria para compartilhar".

A tecnologia da Visa para pagamentos com celular se chama payWave, e começou a ser testada no Brasil em 2009.

Desde março deste ano, todo correntista do Banco do Brasil com cartão Ourocard Visa - seja crédito ou débito - pode realizar pagamentos móveis com um smartphone Android. Antes, é preciso pedir ao banco que habilite o cartão para tanto.

Então, você abre o app do Banco do Brasil, seleciona o cartão e a forma de pagamento, aproxima o celular da máquina e digita a senha do cartão. (Compras abaixo de R$ 50 não requerem senha.)
A Visa nos diz que mais de 2,5 milhões de estabelecimentos no Brasil permitem fazer este tipo de transação. O payWave também está disponível para clientes do Bradesco.
O relógio da Swatch se chama Bellamy em referência ao escritor americano Edward Bellamy, que descreveu em um romance de 1888 um mundo no qual o dinheiro foi substituído por cartões de débito e crédito.
A Swatch nos diz que o Bellamy deve custar entre 80 e 100 euros (mais ou menos entre R$ 300 e R$ 400). Na China, o relógio sai por 580 yuans (R$ 350). Ele será lançado no Brasil até março de 2016.

Fonte: msn