Notícias

Facebook está transformando páginas de empresas em lojas.

Adicionando mais um item à longa lista de coisas que o Facebook quer ser: um shopping virtual. A rede social admitiu ao Buzzfeed News que está testando o recurso de criação de lojas online em um pequeno grupo de páginas de empresas.

A companhia de Mark Zuckerberg ressalta que se trata apenas de um teste, e como tudo que recebe esse status, o recurso pode não chegar a lugar nenhum, mas é bem claro qual é o objetivo. O comércio eletrônico cresce em ritmo galopante, e o Facebook acredita que também pode tirar a sua casquinha, completando as receitas hoje formadas praticamente em sua totalidade por publicidade.

Segundo a publicação, todo o processo de compra seria controlado pelo Facebook até a conclusão, embora ainda não se saiba como seria o processo exatamente.

Recentemente, um estudo do Business Insider Intelligence observou que o tráfego de referência do Facebook leva mais pessoas a sites de e-commerce do que qualquer outra rede social, o que só prova o tamanho da oportunidade que a empresa tem em mãos.

A empresa também tem investido no Messenger como uma via de comunicação entre empresas e consumidores como um SAC. Não é de se surpreender que a empresa queira apostar mais pesado como intermediária do comércio eletrônico.
Fonte: olhardigital