Notícias

Tecnologia permite que computadores controlem cérebros.

Pesquisadores da Universidade Florida Internacional, nos Estados Unidos, publicaram uma pesquisa que mostra ser possível ativar diferentes partes do cérebro utilizando campos magnéticos. Como os neurônios se comunicam por meio de pequenas correntes elétricas, o professor de farmacologia Sakhrat Khizroev queria descobrir se era possível induzir a ocorrência desses sinais usando um elemento externo, como um ímã. Injetando, em ratos, nanopartículas eletromagnéticas que depois foram encaminhadas até o cérebro, os pesquisadores conseguiram que as partículas criassem um campo magnético gerando uma corrente elétrica entre os neurônios, após a aproximação de um ímã. Os pesquisadores desejam agora utilizar essas nanopartículas em partes específicas do cérebro para efetivar medicamentos em partes em que eles sejam necessários. O método também seria capaz de realizar um mapeamento da atividade cerebral. A pesquisa também mostrou que no futuro será possível conectar cérebros a computadores, para que eles transmitam sinais em um tipo de conexão sem fio. Khizroev disse que, com a tecnologia, os computadores poderiam ativar diretamente uma determinada localidade do cérebro.
Fonte: olhardigital

Usamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Cookies.